Processo de criação e pintura digital (Dual Guns-Michelle) PARTE 1

___Olá galera!!
___Hoje quero mostrar para vocês um pouco do processo de criação que utilizo para fazer ilustrações. Então, vamos lá!



___
1 - Primeiro vamos desenhando formas básicas, com o intuito de definir os elementos que irão fazer parte da ilustração. Como podemos ver, mesmo em formas básicas, a localização da personagem principal e os tubos que irão formar o cenário já estão definidos. Nesta etapa, o traço deve ser feito de maneira leve, para, mais tarde, ser apagado facilmente.






___
2- Nesta etapa já temos formas mais definidas e mais acabadas. Como por exemplo: a arma, as formas do rosto das personagem, detalhes da roupa, detalhes do cenário e etc. Também é recomendado traçar suavemente caso haja necessidade de correções na anatomia ou perspectiva, e claro, para que posteriormente não haja marcas em excesso tornado a ilustração mais limpa. Gosto de usar para desenhar um lapiseira 07 ou lápis 2b para quase tudo e uma lapiseira 03 para detalhes.





___
3- Aqui temos a definição da ilustração e arte já finalizada à nanquim. Para a arte final, eu utilizo canetas nanquim e pincel. Uso as canetas nanquim descartáveis da marca "sakura" e "uni pin" (mas existe outras marcas boas ou até melhores) nos tamanhos 005 , 02, 04, e 08. E pincel de pelo de "marta" para preenchimentos. Geralmente eu não arte-finalizo no desenho original sendo raras as vezes que faço isso, pois se eu precisar mudar algo, vou ter que fazer todo trabalho novamente e isso gastaria muito tempo. Então eu faço uso da mesa de luz para arte-finalizar. Acabando essas etapas de elaboração e criação, vamos passar para colorização digital.


___
4 - E vamos nós para mais uma etapa, a de colorização digital da ilustração criada.
O primeiro passo e o escaneamento da imagem. Eu uso folhas A3 para desenhar o que é muito bom para digitalizar mas, na hora mesmo de escanear, humm! É um pouco chato. Por eu possuir um scanner A4, então eu tenho que escanear em duas partes e juntá-las em um programa como o photoshop por exemplo. Isso é chato, por quê? Porque quando vamos juntá-las pode ocorrer que alguns detalhes não se juntem corretamente, dando muita "dor-de-cabeça" para corrigir isso. Sem contar que leva o dobro do tempo para escanear uma única página. Para escanear a ilustração o scanner deve estar configurado para 600dpi. Assim o scanner vai capturar mais detalhes da imagem, ajuste também para escala de cinza e digitalize a imagem. Caso você desenhe em folhas A3, como eu já disse, você deve fazer em duas partes e juntá-las depois; eu utilizo o referido photoshop , mas pode ser feito em outros programas também. Depois que a imagem já está escaneada, começa o processo de limpeza de algumas "sujeiras" e correção do contraste da ilustração, para que o traço fique mais escuro. Feito tudo isso, vamos começar o processo de pintura.




___
5 - A partir de agora para essa etapa ser compreendida é necessário algum conhecimento sobre photoshop ou programas de edição e tratamento de imagens.

Utilizando o photoshop eu começo jogando uma cor base no fundo em uma camada "normal" separada e vou fazendo as variações tonais em uma segunda camada em "múltiplo" por cima da primeira. Note que apenas o fundo do cenário foi colorido. É bom fazer uso de máscaras ou simplesmente seleções para ficar mais fácil.







___
6 - Em seguida pinto os tubos com uma cor base, no caso o vermelho, em uma camada "normal" diferente da que fiz com o fundo do cenário.
















___
7 - Depois de pintar a cor base, é hora de começar a trabalhar nas luzes e degradês. Eu separo cada parte do desenho em pastas de camadas diferentes, para que fique mais organizado ou se for necessário, fazer modificações sem precisar mexer nas outras cores.
















___
8-Terminado a pintura do interior dos tubos, começa a pintura das partes de metal. Como já foi feito anteriormente, cria-se uma camada nova em "normal". Usando a ferramenta "laço", selecionamos toda a área que será pintada de metal. Nesta mesma área pintamos como uma cor base um cinza não muito escuro.






___
9 -Então novamente vamos criar uma nova camada em "múltiplo" para os tons escuros e uma outra camada em "Normal" para os brilhos de luz. Também criamos aqui o efeito de vidro nos tubos em uma camada "Normal". E assim completando todo o cenário. Lembrando a você leitor, que este é o processo de pintura que eu utilizo, mas existem diversos, e outros que podem ser até mais fáceis ou eficientes do que este; pois, a pintura digital abre um leque de opções muito vasto. Não existe um único jeito de pintar. Existe sim, um método talvez mais rápido ou um que o artista mais se adapte. Por tanto, não se prenda a uma única maneira de colorir, pesquise outras e busque sempre o melhor de cada técnica.

Desenhando Mangá 03

__ Aqui vai mais um ótimo material de referência.

Download:

Leitura Online ou Download

Recent Posts

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | GreenGeeks Review